Festival Realizado por :
Email :
onzeonzeprojetos@gmail.com
3ª Edição

2017

1 prédios4 artistas2 oficinas

Onde:

Solar Barão de Santarém Praça do Pescador

O FAM amplia sua potência, levando arte e tecnologia à orla de Santarém

Pela primeira vez, Santarém, na região do Tapajós, recebeu o evento com oficinas de artistas de carreira internacional, projeções na orla de Santarém e shows gratuitos

Realizado em Belém por duas edições, em 2017 o FAM chegou a Santarém, uma das cidades mais antigas da Amazônia, cuja arquitetura, a história e fluxos da cidade são inspiradores para as criações artísticas. As projeções foram realizadas no Solar Barão de Santarém, um dos casarões históricos da cidade erguido em meados do século XIX, localizado na Praça do Pescador.

Apresentações
Artísticas :

Organismos Públicos
VJ Vigas

Tapajós Vivo
Luan Rodrigues

Resiste Floresta
Ani Haze

Carimbatuques

Oficinas
Laboratórios :

Técnicas Básicas de Video MApping
com Vj Vigas
Vjing para performances audiovisuais
com Luan Rodrigues

Divulgação &
Clipping :

3ª Edição

2017

1 prédios10 artistas3 oficinas

Onde:

Palácio Antônio LemosPça Felipe Patron

Em 2017 ocupaamos o espaço urbano com arte e tecnologia

Vanguarda na região Norte do país, o FAM coloca a Amazônia na rota do vídeo mapping mundial e é o primeiro festival denominadamente de projeção

Na capital, o Festival promoveu três oficinas e trouxe obras inéditas para a fachada do Palácio Antônio Lemos, prédio emblemático da capital, hoje um espaço que concentra o Museu de Arte de Belém (Mabe) e a Prefeitura. De 22 a 25 de novembro, a programação ofereceu a Belém, pela terceira vez, workshops gratuitos com artistas visuais renomados internacionalmente, shows e ocupação do centro histórico.

Apresentações
Artísticas :

De Gira e Mato
Keila Serruya

Multidão, Na Rua
Lucas Bambozzi

Amazônia Dark Earths
Nando Lima

Geometria Sagrada
Eletroimã

Aíla

Strobo

Orquestra Pau e
Cordista de Carimbó

Adrian Neves
& Shaira Mana Josy

Dj Ananindeusa
Afro-Amerindia

Oficinas
Laboratórios :

Conceitos Fundamentais sobre
a técninca do Videomapping
com Ricardo Cançado (VJ Eletroimã)
Da imagem ao redor: Contexto Social,
Arquitetura e Tecnologias Móveis
com Lucas Bambozzi
Amazônia, Arte e Residência
Uma proposta de decolização do olhar
com Qualquer Quoletivo

Divulgação &
Clipping :

2ª Edição

2016

3 prédios8 artistas3 oficinas

Onde:

MHEP - Museu Histórico do E. do ParáALEPA - Assembleia Legislativa do E.do ParáIGHP - Instituto Histórico Geográfico do Pará

Artes visuais e tecnologia ganharamm o centro histórico de Belém em 2016

A segunda edição do Festival Amazônia Mapping (FAM) celebrou os 400 anos da capital apostando em trabalhos que dialogaram com a cidade e na resistência cultural das ruas.

Como um projeto de intervenção urbana, o festival propos novos olhares do público para a cidade e ocupa a arquitetura secular com projeções audiovisuais. Cartões-postais de Belém foram palco de experiências artísticas que misturam a fotografia artesanal paraense com projeções high-tech, ícones indígenas e batidas eletrônicas, e crônicas urbanas do rap à dança de rua. A programação, de 17 a 25 de junho de 2016, incluiu ainda laboratórios com artistas visuais do Brasil e da Argentina.

Apresentações
Artísticas :

Espectro - Caio Fazolin

MHEP

Vida Estampada - Alexandre Sequeira

IGHP

Sólidos Platônicos [Água] - Astronauta Mecanico

IGHP

Chegô - Cia Mirai de Dança

MHEP

Pelé do Manifesto + TQSS Crew

MHEP

Circular Dibujos - Javier del Olmo

MHEP

UANÁ SYSTEM

ALEPA

Oficinas
Laboratórios :

VVVV - Ambiente de Programação
Para Artistas- Caio Fazolin
Vivência técnica de video mapping
e projeções interativas - Ihon Yadoya
Mente de Principiante
- Astrounauta Mecanico

Divulgação &
Clipping :

1ª Edição

2013

3 prédios14 artistas3 oficinas

Onde:

Casa das 11 JanelasForte do Presépio Igreja Sto Alexandre

Belém recebeu o 1º festival de videomappping do Norte do Brasil

Festival Amazônia Mapping trouxe oficinas gratuitas dos maiores artistas em mapping do país. Programação incluiu ainda shows com parcerias entre músicos e produtores multimídias.

O inédito Festival Amazônia Mapping (FAM) trouxe a alta tecnologia em projeções que ocuparamm a arquitetura do centro histórico de Belém em 28 outubro de 2013. A programação do festival, promoveu três oficinas com os maiores nomes do videomapping do país e traz espetáculos de projeção e performances musicais ao Complexo Feliz Lusitânia, na Cidade Velha.:

Apresentações
Artísticas :

VJ Spetto & United VJS

casa das 11 janelas

VJ Vigas -Organismos Públicos

Igreja santo alexandre

Várzea Ilustrada

forte do presépio
aíla & Roberta carvalho
jaloo & kaue lima
improvídeo & Stefano
uaná system
Daniel Zuil & cronistas da rua
symbiosis - roberta carvalho

Oficinas
Laboratórios :

Conteúdo p/ Vjing em After effects
com VJ Robson Victor.
Vídeo Mapping
com VJ Spetto
Intervenção Criativa
com Várzea Ilustrada

Divulgação &
Clipping :

Publique nas Suas Redes e marque o FAM #AMAZONIAMAPPING